Sessão Solene vai comemorar a marca de 100 milhões de Bíblias impressas

Evento é de autoria do deputado federal Roberto de Lucena e deve reunir representantes de igrejas de todo o país

Por iniciativa do deputado federal Roberto de Lucena (PV-SP), será realizada neste dia 05 de dezembro, às 10h, no Plenário Ulysses Guimarães, a Sessão Solene em moção à marca de 100 milhões de Bíblias impressas no Brasil. O evento, que deve reunir representantes de igrejas de todo o país e terá a participação da banda Avalon, é uma homenagem à Sociedade Bíblica do Brasil e ao Dia da Bíblia, comemorado no segundo domingo de dezembro.

O dia 26 de maio de 2011 entrou para a história, pois nesta data foi alcançada a marca mundialmente inédita de 100 milhões de Bíblias impressas pela gráfica da Sociedade Bíblica do Brasil, existente desde 1995, na cidade de Barueri no Estado de São Paulo. A contagem regressiva começou em 1995, com a instalação da Gráfica da Bíblia na sede nacional da Sociedade Bíblica do Brasil, entidade que este ano também comemora 63 anos de trabalho de distribuição Bíblias em todo o mundo, traduzidas em mais de 2,5 mil idiomas.

Um dispositivo digital foi instalado nas máquinas da unidade de encadernação para fazer a contagem regressiva até o tão esperado centésimo milionésimo exemplar. O exemplar produzido em comemoração a essa conquista traduz duas traduções do texto: a Tradução Brasileira, uma tradução histórica, de 1917, a primeira a ser feita totalmente no Brasil, e a Nova Tradução na Linguagem de Hoje, tradução pioneira, lançada no ano 2000, responsável por trazer o conteúdo bíblico em uma linguagem mais simples e fácil de ser compreendida pela população brasileira.

As sociedades bíblicas seguem uma tradição de registrar todas as tiragens do livro. A marca de 100 milhões foi atingida em apenas 16 anos de existência de sua gráfica. A maioria dos exemplares produzidos pela entidade se destina ao segmento evangélico, mas ela imprime bíblia também para os católicos, a ponto de o Vaticano ter encomendado, há dois anos, uma Bíblia especial, que só os bispos e o Papa receberam.

Cerca de 100 pessoas acompanharam o emocionante momento do alcance da marca de 100 milhões, entre elas funcionários da organização e membros da Diretoria da Sociedade Bíblica do Brasil, além de jornalistas e lideranças religiosas.

“Neste sentido entendemos que esta Câmara dos Deputados também deve prestar sua homenagem ao importante marco de nossa história e, para tanto, requeiro a realização de uma Sessão Solene em comemoração a marca mundialmente inédita de 100 milhões de impressão do livro símbolo do cristianismo”, disse o deputado Roberto de Lucena.

 

Compartilhe:

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email

Receba nossas Informações