Sessão Solene em São Paulo homenageia Pr. Orlando Silva

O deputado federal Roberto de Lucena (PV/SP) esteve em São Paulo, onde participou da entrega do título de Cidadão Paulistano na Câmara Municipal de São Paulo ao Pr. Orlando Silva, um grande amigo e orientador do deputado.

O evento enalteceu a obra do Pr. Orlando, um grande ícone da Igreja O Brasil Para Cristo, reconhecido no mundo evangélico pelos mais de 50 anos de vida dedicada ao Evangelho.
“Obrigado pelo homem que o Senhor é, obrigado pela sua vida”, foram as primeiras palavras do deputado federal Roberto de Lucena em homenagem ao Pr. Orlando Silva. O deputado enalteceu o trabalho do Pr. Orlando afirmando que a obra do Pastor fala por si. “Tudo o que falarmos aqui vai ser pouco para homenagear esse grande homem que tem sua vida como um exemplo para todos nós”, afirmou o deputado.

Em agradecimento, o Pr. Orlando Silva, membro do Conselho Apostólico da Igreja O Brasil para Cristo, afirmou seu desejo de “oferecer essa homenagem a Deus”, assinalando que receber o título de cidadão é um “grande privilégio” para a sua pessoa.
O presidente da Câmara Municipal de São Paulo, José Police Neto (PSDB), destacou a importância da homenagem, passou, em seguida, a presidência ao deputado estadual e proponente da Sessão (à época vereador), Carlos Bezerra Jr. Durante a sessão, foi exibido um vídeo sobre a vida do Pr. Orlando Silva. Fizeram uso da palavra os pastores Ivan Nunes (presidente do Conselho Nacional da Igreja O Brasil para Cristo), Luís Fernandes Bergamin (presidente da Convenção do Estado de São Paulo da Igreja O Brasil para Cristo), o deputado federal Roberto de Lucena e o vereador Carlos Bezerra Jr., todos exaltando a trajetória do Pr. Orlando Silva. Estiveram presentes ainda o Pr. Alexandre Silva, diretor da OBPCm – Regional de São Miguel Paulista e filho do homenageado, que compôs a Mesa, além de quase toda família do Pr. Orlando Silva e mais cerca de 200 convidados.

Uma vida dedicada ao Evangelho
O pastor Orlando Silva exerceu a presidência da mocidade das igrejas O Brasil para Cristo e, em 1965, liderou a realização do 1.º Congresso Nacional das Mocidades Evangélicas, reunindo milhares de pessoas na Praça da Sé, Praça Roosevelt e Vale do Anhangabaú.
Em 1967, já casado com Neuza Lourenço, depois de atuar em Campina Grande, na Paraíba, por indicação do missionário Manoel de Mello, assume a supervisão das igrejas na região Nordeste. Quatro anos depois, retorna a São Paulo em companhia dos pastores Jorge Stoianov e José Oliveira Campos. Permaneceram até meados de 1972 na igreja do bairro da Pompéia, atual sede nacional da denominação.
Em seu pastoreio, Orlando Silva passou por cidades como Poá, onde permaneceu por 21 anos, tempo em que expandiu a ação da igreja. Ocupou sucessivamente os postos de secretário, vice-presidente e presidente da Congregação, e, sete anos depois, foi escolhido para a presidência do Conselho Nacional, cargo em que permaneceu durante 10 anos. Representou a igreja em assembleias internacionais na Austrália, Suíça, Espanha, Coreia do Sul, Japão e África do Sul, integrando ainda a Comissão Latino-Americana Pentecostal por 10 anos.

Compartilhe:

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email

Receba nossas Informações