Deputado questiona parâmetros da Anvisa sobre flúor em água mineral

Roberto de Lucena solicitou informações ao Ministério da Saúde sobre a quantidade de íon fluoreto consumida pela população

O vice-líder do Partido Verde na Câmara, deputado federal Roberto de Lucena (SP), enviou um requerimento ao Ministério da Saúde solicitando informações sobre os parâmetros adotados pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) a respeito da quantidade de íon fluoreto nas águas minerais e naturais, e nas águas purificadas adicionadas de sais comercializadas em todo o País.

De acordo com o deputado, o flúor, presente em pequenas quantidades na água de consumo, é benéfico podendo reduzir a prevalência de cárie dental e doença periodontal. Porém, sua presença em excesso é prejudicial, podendo causar fluorose dental.

Dessa forma, visando à manutenção da saúde da população, o deputado demandou informações sobre a quantidade de íon fluoreto recomendável nos produtos mencionados e como é feita a fiscalização no País. “É fundamental que se tenha conhecimento dos parâmetros sobre os níveis de íon fluoreto na água consumida pela população”, alertou Roberto de Lucena.

 

Compartilhe:

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email

Receba nossas Informações