Festa para a melhor gastronomia paulista

sabor1

Mais de 70 mil pessoas prestigiaram o Sabor de SP

saborsplucenaNúmeros impressionantes como, oito leitões totalizando 720 quilos, 110 mil porções de pratos no geral, 400 quilos de costelinha, e 17.125 bolas de sorvete, envolvendo o que há de melhor na culinária paulista, fizeram parte do cenário do Sabor de SP, programa da Secretaria de Turismo do Estado de São Paulo.

Esta foi a grande final realizada no Parque Villa-Lobos, Capital, no final de semana dos dias 7 e 8 de novembro, com um público estimado em 70 mil pessoas absolutamente interessadas em degustar os pratos vencedores do Estado da gastronomia paulista, em ambiente repleto de sabores, aromas, temperaturas e preferências, além de inúmeras atrações musicais.

Entre bicicletas, triciclos, skates, patins e incomensuráveis caminhantes, o parque foi palco do Sabor de SP, já em sua terceira edição, em que muitos participantes o definiram como um divisor de águas em suas vidas profissionais. Exatamente 61 pratos finalistas fizeram a festa. Gente por todos os lados, mas a vontade de experimentar novos pratos por preços acessíveis – de até 15 reais – foi a grande motivação para este significativo público.

Com o êxito deste evento que percorreu, durante todo o ano de 2015, 15 Regiões Turísticas do Estado envolvendo 200 municípios, o titular da Pasta do Turismo paulista, Roberto de Lucena, afirmou que “o Sabor de SP tem a capacidade de movimentar e ampliar o universo do turismo com este eficaz parceiro denominado gastronomia. A vantagem é de todos: cidades, turistas, cozinheiros, colocando lado a lado grandes chefes e profissionais anônimos em ambiente fraterno e gerando, em muitos casos, um nítido avanço na jornada produtiva de cada participante exposto, agora, à mídia. É a cadeia produtiva em ação”.

Tanto isto é verdade que muitos participantes se viram em um contexto de prosperidade, pois frente ao desafio da concorrência, aperfeiçoaram seu trabalho e lograram êxito. O chefe paulista de 37 anos, Adan Al Garcia, com seu prato “Leitão de Gravata” de Mogi das Cruzes, é vencedor pelo terceiro ano consecutivo do Sabor de SP e se mostra entusiasmado. “Este programa me proporciona a chance de exibir a verdadeira gastronomia regional, cujo meu carro-chefe é o leitão. Até a vigilância sanitária no Parque Villa-Lobos nos parabenizou. E assim, com esta exposição positiva, só tenho vaga na minha agenda de trabalho no ano que vem e falo, com certeza, que não há no nosso País nenhum outro programa que exalte nossa cozinha regional, só o Sabor de SP”.

Por sua vez, Adriano Rodrigo do Valle, 42 anos, de São Simão vendeu 2.500 bolas de sorvete de Jabuticaba, o que ocasionou grandes filas em frente à sua barraca no Parque Villa-Lobos. “Resgata o sabor de infância, já que lembra colher jabuticaba no pé. É um sorvete de nome simples, de sabor sofisticado e a produção é artesanal.” Pela segunda vez vencedor do Sabor de SP, disse que “o concurso dá oportunidade de ampliar os negócios. Meu estabelecimento já tinha visibilidade na região, mas depois deste programa passou a ter visibilidade estadual. Viramos ponto turístico até no RODA SP, outro programa da Secretaria Estadual de Turismo”, concluiu.

Mais uma concentração de público frente à barraca que vendeu 1.500 caldos denominado “Vaca do Simpatia” de Birigui,  O responsável é o senhor Manoel Marques Espedo, 67 anos, mais conhecido como Mané Simpatia que pela segunda vez é vencedor deste campeonato gastronômico. No ano passado seu prato foi o “Caldo de Jegue” com sucesso absoluto.  Ele conta: “o Sabor de SP abriu as portas para mim e por isso agora sou conhecido no Brasil inteiro por causa do concurso. A mídia televisiva deu destaque para o Caldo de Jegue e tudo melhorou. A minha freguesia dobrou, virou prato típico de Birigui e foi patenteado. Abri um novo estabelecimento, o Simpatia Gourmet, e até recebi uma homenagem da Câmara dos Vereadores de Birigui”, observou, com entusiasmo, Mané Simpatia.

E ao lado da festança gastronômica, com entrada gratuita ao público, muita música tomou conta do palco armado no Villa-Lobos com bandas, orquestras e até folclore com a quadrilha de Bonecões da Mantiqueira. Vale ressaltar que o Festival Gastronômico Sabor de SP, eficiente incentivador do turismo regional, contou com a parceria da revista Prazeres da Mesa, e apoio do SENAC.

 

Fonte: Secretaria de Turismo do Estado de São Paulo

Foto: Leonardo Costa

Compartilhe:

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email

Receba nossas Informações