Deputado Roberto de Lucena participa da Caminhada Nacional Contra a Liberação da Maconha

Em defesa da vida e da família, o deputado federal Roberto de Lucena (PV-SP) participa neste sábado, dia 30 de julho, da Caminhada Nacional Contra a Liberação da Maconha, na cidade de São Paulo, promovida pela ONG “Pela Vida”.  O evento tem concentração às 10 horas no vão livre do Museu de Arte de São Paulo – Masp, na Avenida Paulista, e de lá os participantes seguem rumo à Assembleia Legislativa, onde permanecerão até as 17 horas. A participação do deputado na Caminhada é mais uma de suas  iniciativas contra a legalização da droga no Brasil.

Deputado Roberto de Lucena faz chamada para o evento. Assista ao vídeo clicando aqui!

A participação na manifestação reforça a luta do deputado contra a legalização da droga no Brasil. Às vésperas da anunciada Marcha da Maconha, que ocorreria em 21 de maio, na Avenida Paulista, entrou com uma ação junto ao
Ministério Público Estadual, que,  acatando seu pedido acionou o Judiciário. Na ocasião, foi expedida uma sentença proibindo o evento.

Para a surpresa do parlamentar e da maioria da população brasileira, dias depois da vitória do Ministério Púbico de São Paulo, o Supremo Tribunal Federal, em decisão histórica, autoriza a realização da marcha da maconha em todo o Brasil. Decisão que foi severamente criticada por Roberto de Lucena em seus discursos. Visando sustar a equivocada decisão da Corte Suprema, o deputado protocolou na Câmara dos Deputados o Projeto Decreto Legislativo 312/2011 que deverá ser votado nos próximos dias. A iniciativa de Roberto de Lucena em propor o Projeto de Decreto Legislativo recebeu o apoio de vários  parlamentares e de inúmeros segmentos da sociedade.

“As drogas continuam a assolar a sociedade. Os dependentes não têm acesso a medidas públicas e eficientes de tratamento, e o tráfico está aparelhado com uma estrutura financeira poderosíssima. Na atual conjuntura, o Brasil não tem condições de fiscalizar ou mesmo colocar em prática políticas públicas que liberem o uso da maconha”, defende o deputado, que atua em várias frentes em defesa da vida e da família, dentre as principais, ele é vice-presidente da Frente Parlamentar da Família e Apoio à Vida e da Frente Parlamentar Evangélica e está na liderança do Fórum Cristão Nacional de Ação Social e Política em São Paulo, o FENASP-SP.

A luta contra os movimentos pela liberação da maconha ainda não terminou. Diante disso, o deputado convida todos que militam a favor da família e da vida para participarem da Caminhada Nacional Contra a Liberação da Maconha. “Estava disposto, nem que fosse sozinho, a marchar pelas ruas do Brasil contra a liberação da  maconha, mas agora encontrei um imenso exército de jovens, homens e mulheres que também estão dispostos a ocupar as ruas de todas as cidades do Brasil dizendo não às drogas e sim à vida. E o faremos, a partir da capital de São Paulo, no próximo dia 30 de julho”, reforça.

Serviço

Evento: Caminhada Contra a Liberação da Maconha

Data: dia 30 de julho de 2011

Horário: das 10h às 17h

Local: concentração no vão livre do Masp, na Avenida Paulista, às 10h

Compartilhe:

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email

Receba nossas Informações