Deputado participa de debate sobre homossexualidade e intolerância na Globo News

Roberto de Lucena destacou que é "radicalmente contra a homofobia, a heterofobia e a cristofobia"

Roberto de Lucena destacou que é “radicalmente contra a homofobia, a heterofobia e a cristofobia”

O deputado federal Roberto de Lucena, vice-presidente da Frente Parlamentar Evangélica, participou do programa “Entre Aspas”, da Globo News, nesta quinta-feira (02/05). Na ocasião, Roberto de Lucena defendeu o Projeto de Decreto Legislativo (PDC) 234/2011, que permite aos psicólogos atender homossexuais sem sofrer represálias dos conselhos de psicologia.

Sob a mediação da jornalista Mônica Waldvogel, o parlamentar debateu a questão com a psicóloga Carla Bianca Angelucci, do Conselho Regional de Psicologia de São Paulo. Roberto de Lucena enfatizou que o PDC 234 não trata de “cura gay”, mas de liberdade profissional.

“A imprensa foi maldosamente induzida a rotular este projeto de lei de ‘Cura Gay’. Não é disso que se trata. O projeto visa apenas garantir liberdade aos profissionais de psicologia que hoje estão sofrendo sanções dos seus conselhos regionais de psicologia apenas porque oferecem atendimento aos homossexuais em seus conflitos”, destacou o deputado.

Na condição de membro da Comissão de Seguridade e Família da Câmara Federal, Roberto de Lucena foi relator do PDC 234, de autoria do deputado João Campos, e seu voto favorável permitiu que o projeto avançasse para avaliação na Comissão de Direitos Humanos e Minorias.

O parlamentar também expôs o fato de que o Conselho Federal de Psicologia (CFP), por meio de seu estatuto, não permite que o psicólogo se manifeste livremente sobre o tema, sendo obrigado a adotar uma linha de pensamento previamente aprovada pelo CFP.

“Eu sou radicalmente contra toda forma de discriminação e intolerância. Sou contra a homofobia, mas também contra a heterofobia e a cristofobia. O foco do PDC 234 é garantir ao psicólogo plena liberdade, até mesmo porque a liberdade de expressão é clausula pétrea da Constituição e o CFP tem negado essa liberdade aos psicólogos”, declarou Roberto de Lucena.

Assista a íntegra do programa: http://globotv.globo.com/globo-news/entre-aspas/v/projeto-que-autoriza-a-cura-gay-e-lancado-na-comissao-de-direitos-humanos-da-camara/2551926/

 

 

Compartilhe:

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email

Receba nossas Informações