Deputado comemora suspensão de ação contra ambulantes nas praias

Interna

 

O deputado federal Roberto de Lucena (PV) comemorou a decisão da Secretaria de Patrimônio da União (SPU) SPU, que suspendeu fiscalização de ocupação das praias por ambulantes e permissionários.

O parlamentar havia se encontrado com representantes sindicais  da categoria e expressado seu apoio ao movimento pela suspensão da fiscalização.

Na quarta-feira,  28, Roberto de Lucena esteve na sede do Sindicape (Sindicato do Comércio Ambulante e Permissionários de Uso em Vias e Logradouros Públicos da Baixada Santista), levando seu apoio à presidente Neli Ferreira Gonçalves e à toda a categoria.

“Hoje fico feliz com a notícia de que a SPU retrocedeu da sua posição inicial, considerando as justas reivindicações dos ambulantes e permissionários que trabalham há décadas nas praias e não teriam tempo hábil de se adequar às novas normas”, destacou Roberto de Lucena.

A decisão da suspensão foi comunicada na quinta-feira, 31, durante reunião dos representantes sindicais e da SPU. Ficou decidido também que um novo projeto deve regulamentar a forma de ocupação desta área pública que pertence à União.

Em setembro, a SPU havia anunciado que começaria, até o dia 15 de novembro, uma força-tarefa para combater a “prática irregular” de trabalho dos ambulantes e permissionários na baixada santista. Eles seriam impedidos de utilizar cadeiras e guarda-sóis.

“Foi algo que pegou toda a categoria de surpresa, sem tempo de se organizar para se adequar às normas. Por isso fico feliz com a decisão ponderada da SPU e novamente me coloco à disposição do Sindicape e de toda a categoria”, finalizou Roberto de Lucena.

Compartilhe:

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email

Receba nossas Informações