Homenagem ao pastor Eneás Tognini e cumprimentos aos pastores Jabes Alencar e Edson Rebustini/ Escassez da água em SP

Sr. Presidente, ilustre Deputado Amauri Teixeira, Sras. e Srs. Deputados, inicialmente, eu quero registrar nos Anais desta Casa as homenagens justas e merecidas ao Reverendo Enéas Tognini, fundador da Igreja Batista do Povo, em São Paulo, líder maior da Convenção Batista Nacional e Presidente da Sociedade Bíblica do Brasil, que, nesta última quarta-feira, num grande evento, numa linda celebração, em São Paulo, completou 100 anos de idade. Foi honrado, homenageado, celebrado com justiça por todos os pastores do Estado de São Paulo e é uma referência para todo o mundo evangélico.
Nesta minha homenagem que faço ao Pastor Enéas Tognini, quero também registrar meus cumprimentos ao Pastor Jabes de Alencar, que transferiu a Presidência do Conselho de Pastores do Estado de São Paulo, nesta última quarta-feira, depois de anos de trabalho bem sucedido e tomado de méritos, ao Pastor Edson Rebustini, também uma liderança reconhecida, um ícone da Igreja Evangélica na Capital paulista.
Mas, Sr. Presidente, o que me traz a esta tribuna nesta oportunidade é o fato de que, nesta semana, nós estamos comemorando o Dia Mundial da Água, tempo em que temos acompanhado que, em diversas regiões do País, temos tido enchentes, excesso de chuva. Porém, na Região Metropolitana de São Paulo, temos vivido o inverso.
Há um período bastante longo de estiagem que tem comprometido, em muito, a capacidade de armazenamento do Sistema Cantareira. Para V.Exas. terem ideia, o volume de água armazenado nos reservatórios do Sistema Cantareira vem registrando quedas consecutivas. Na última terça-feira, dia 18, operou apenas com 14,9% de sua capacidade total. É um novo recorde negativo desde o início de sua operação, em 1974. Há 40 anos não se tinha notícias de níveis tão baixos.
De acordo com a SABESP, há 1 ano, o índice de volume d’água armazenado nos reservatórios do Sistema Cantareira era de 59,4%. Por esse motivo o Governo de São Paulo, que tem da melhor maneira gerenciado essa crise, para evitar o racionamento, se vê neste momento obrigado a utilizar o volume morto – água armazenada nas profundezas das represas – para tentar abastecer por pelo menos 4 meses quase 9 milhões de pessoas na Grande São Paulo.
A SABESP já anunciou o investimento de recursos na ordem de 80 milhões de reais para explorar aproximadamente 400 milhões de metros cúbicos armazenados nos fundos dos reservatórios.
Esse problema, que aflige e afeta milhões de paulistanos, chama atenção, Sr. Presidente, para aquilo que já tem o Partido Verde, nas últimas décadas, procurado debater com a Nação, discutir com o País, as consequências do desequilíbrio ambiental, as mudanças climáticas e suas consequências.
A estiagem atípica deste ano acendeu um sinal de alerta para todos nós. E essa discussão que tem promovido o Partido Verde nas últimas décadas, alertando sobre os riscos da falta de água, a necessidade de cuidados com o meio ambiente, precisa ser levada a sério efetivamente por todos nós, porque ainda há tempo de nós, de maneira responsável, tomarmos medidas, iniciativas que venham a minimizar os efeitos catastróficos que podemos experimentar nos próximos anos, em função de tudo aquilo que temos visto acontecer.
Eu caminho, Sr. Presidente, para a conclusão, lembrando nosso compromisso, o compromisso desta Casa, Deputado Amauri Teixeira, o compromisso de todos nós com as gerações que estão chegando. Eu tenho uma netinha de 6 anos de idade, a Srta. Lívia, que é uma verdadeira fiscal das torneiras. Ela aprendeu, na sua escolinha, que a água do mundo está acabando, e, então, tem despertado toda a família como verdadeira profeta, chamando a atenção para o uso consciente da água.
Nós, na verdade, é que temos que ter esse compromisso, a responsabilidade com a geração da Srta. Lívia, e tomar medidas, enquanto ainda há tempo, para que, no presente e no futuro, não venhamos a passar por momentos mais delicados e sérios do que aqueles que temos vivido.
Muito obrigado, Sr. Presidente.
Que Deus abençoe o Brasil.

Compartilhe:

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email

Receba nossas Informações