Chamado não é garantia de vida vitoriosa, afirma pastor Roberto de Lucena

roberto de lucena pregandoPor Gospel Prime

“Nós estamos no meio do caminho e precisamos nos esforçar todos os dias para não terminar mal”. A afirmação foi feita pelo pastor Roberto de Lucena, em uma de suas pregações no Projeto 100% Vida, em SP. A palavra compartilhada pelo líder da Igreja O Brasil Para Cristo teve como tema o alerta para que os cristãos estejam atentos à sua caminhada cristã. Após introduzir sua mensagem com a leitura da passagem de 1 Samuel 9:3, o pastor lembrou que ter um dom ou um chamado não é o suficiente para confiar que haverá o pleno cumprimento do propósito na vida do cristão.

“Há pessoas que, em algum momento, olhamos para elas e identificamos um grande potencial. Aquelas pessoas que parecem que nasceram para dar certo, nasceram para brilhar, nasceram para o sucesso, mas alguma coisa aconteceu no meio do caminho e fez com que elas terminassem muito mal”, iniciou. Lucena ainda citou exemplos de personagens bíblicos que perderam o foco de sua missão e seu propósito ao longo de suas caminhadas.

“Na Bíblia, Saul não foi único exemplo de alguém que começou bem e terminou mal. Eu poderia lembrar vocês, por exemplo, a respeito de Sansão. Vocês se lembram dele. Sansão foi o homem mais forte do mundo. Sansão era ‘invencível’. Quando o Espírito de Deus vinha sobre Sansão, para ele, tanto fazia enfrentar uma pessoa, 10, 100 ou mil pessoas […] Sansão nasceu para dar certo, para brilhar, com um chamado de Deus, uma bênção sobre a vida dele e terminou tão mal”.

Confira a matéria no Portal Gospel Prime

Compartilhe:

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email

Receba nossas Informações