Catamarã incrementa o turismo no Vale do Ribeira

Catamarã, primeira embarcação turística deste porte no Estado Paulista

Catamarã, primeira embarcação turística deste porte no Estado Paulista

São Paulo acaba de ganhar o Catamarã Maratayama, que é a primeira embarcação turística deste porte no Estado. O inédito produto, com partida em Ilha Comprida, mostra a exuberância de ricos complexos lagunares, a cultura, a história e a fauna marinha do litoral paulista.

Além das belezas naturais do Complexo Lagunar Estuarino Ilha Comprida-Iguape-Cananeia, considerado um dos mais importantes viveiros de espécies marinhas do mundo e um dos últimos ecossistemas ainda conservados do litoral, o passeio de Catamarã também revela o espetáculo dos golfinhos no pontal Trincheira e o belo voo dos guarás vermelhos no Pontal do Leste.

Com saída às 8 horas e retorno às 18 horas, a viagem percorre 200 quilômetros de mar e passa por vilas caiçaras da Ilha como Ubatuba, Pedrinhas, Juruvaúva, pelo Parque Estadual da Ilha do Cardoso, a tradicional Vila de Marujá, Cananeia, a curiosa Vila Fantasma, até chegar ao pontal do Leste. O roteiro possibilita ainda banhos nos mares de dentro e de fora e almoço caiçara preparado pela Associação das Mulheres de Pescadores.

Nessa segunda-feira (26/01), com a presença do vice-governador Márcio França e da assessora Mônica Barros, representando a Secretaria de Turismo do Estado de São Paulo, aconteceu a viagem inaugural entre Ilha Comprida (SP) e Morretes (PR).  Na oportunidade, prefeitos da região, empresários e autoridades presentes discutiram a integração turística marítima entre os litorais de São Paulo e Paraná com a inclusão da rota ferroviária Morretes/Curitiba.

Com 18 m de comprimento, capacidade para 76 passageiros, o Catamarã possui ar condicionado, poltronas especiais, som ambiente e espaço no piso superior para observação das paisagens. Começou a operar em dezembro de 2014 e monitores ambientais acompanham o passeio e prestam informações sobre o roteiro.

Para o titular da Pasta do Turismo, Roberto de Lucena, “este roteiro que, no decorrer do tempo, envolverá um pacote transmodal ferroviário/marítimo e rodoviário, será de grande valia para o fomento da atividade turística no Vale do Ribeira, em especial na geração de empregos”.

O passeio sai aos sábados às 8 horas da Marina Porto Barrera localizada na Rua José Pacheco dos Santos, 2.955, em Ilha Comprida. Também há saída do trapiche da balsa do Boqueirão Sul. Reservas podem ser feitas pelos telefones (13) 996455519 e (13) 996416366. Bilhetes são vendidos na Rodoviária nova, na rotatória da Av. São Paulo, de segunda a sexta, das 8 às 17 horas. Aos sábados e domingos, das 8 às 15h30.

Fonte: Secretaria de Turismo do Estado de São Paulo

Foto: Divulgação

Compartilhe:

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email

Receba nossas Informações