fbpx

Transparência Internacional e CFFC discutem maior pacote anticorrupção já proposto no mundo

A organização não-governamental Transparência Internacional, de combate à corrupção em todo mundo apresentou, em reunião realizada na manhã desta quarta-feira, 16, ao Deputado Federal Roberto de Lucena (Podemos/SP) e presidente da Comissão de Fiscalização Financeira e Controle (CFFC) o maior pacote anticorrupção já proposto no mundo denominada “Novas Medidas Contra Corrupção”. A apresentação foi feita pelo Diretor Executivo da ONG, Bruno Brandão.

O encontro com a ONG faz parte de um novo viés adotado pelo colegiado da CFFC que pretende atrair a participação da sociedade na fiscalização dos recursos públicos, enfrentamento à corrupção e ineficiência da máquina pública. De acordo com o representante da ONG “é fundamental esse diálogo que a Comissão tem adotado em querer entender quais são as maiores dificuldades das organizações que se ocupam com o controle social”, disse Bruno Brandão.

Na ocasião Brandão explicou que pretende contar com a participação da CFFC para tramitar e avançar dentro do Congresso Nacional o “Maior Pacote anticorrupção já proposto no mundo”. Ele explica que se trata de novas medidas contra corrupção feita com apoio do Instituto Getúlio Vargas sob uma pesquisa realizada em mais de 110 países em que a ONG tem representatividade. “Um pacote muito amplo, não é a visão de uma instituição apenas. O projeto é mais amplo por pegar a visão de vários órgãos do setor privado e público, órgãos responsáveis por gestão pública e medidas voltadas também para o impacto econômico”, informou.

Segundo o diretor executivo, a construção do pacote de novas medidas contra a corrupção contou com a participação de mais de cento e cinquenta especialistas de diversas áreas e pesquisa em mais de trezentas instituições brasileiras. O resultado final do pacote conta com mais de oitenta proposições. “Acho importante que a Comissão tome conhecimento da amplitude dessa proposta”, destacou.

O deputado Roberto de Lucena que a frente da CFFC tem lutado pela transparência nas ações públicas colocou a Comissão à disposição para ser porta de entrada para a tramitação da proposta.   “Extraordinária a proposta dessa magnitude, que vem sendo construída no seio da sociedade com a participação de tantos especialistas e técnicos. A CFFC cumprindo o seu papel de ingressar com a proposta e dar todo apoio a sua tramitação”, garantiu.