fbpx

Lucena diz que passada a eleição é hora de pacificar a nação e iniciar o diálogo

O deputado federal reeleito Roberto de Lucena se diz confiante de que, após o claro recado das urnas, sobre a necessidade de mudança e renovação, o clima no país é de otimismo em relação ao governo do presidente Jair Bolsonaro. De maneira geral, olhando para o quadro político nacional e também do Estado de São Paulo, após a vitória de João Dória para o governo, ele diz que é hora de esquecer os traumas de campanha, pacificar a nação e iniciar o diálogo para que os desafios possam ser vencidos.

Lucena disse ter gostado das declarações feitas pelo presidente eleito e pelo futuro ministro da Fazenda, Paulo Guedes, sobre o futuro governo. “Eu creio que com este ambiente positivo, o presidente legitimado pelas urnas, com apoio do Congresso Nacional, consiga fazer as reformas estruturantes e mudanças necessárias. E que neste próximo mandato possamos ver o Brasil sendo organizado, superando as dificuldades econômicas, se apresentando ao mundo novamente como um país viável”, disse.

O parlamentar lembra que o presidente Jair Bolsonaro terá imensos desafios pela frente e que ninguém pode imaginar que hoje o país já esteja diferente, com seus 14 milhões de desempregados já encaminhados e com soluções reais para a violência que tanto tem afetado a população. “Mas uma coisa é certa, ele tem a legitimidade de quem passou pelas urnas e foi credenciado pela maioria dos eleitores no sistema democrático de uma eleição e tem, portanto, plena credibilidade para se dirigir ao Congresso e obter o apoio para as reformas necessárias, como a reforma da Previdência Social, que é urgente e que precisa ser amplamente discutida com a sociedade. É algo que o presidente Temer não tinha, porque durante estes dois anos de governo as pessoas sempre desconfiavam da legitimidade institucional de seu governo”, ponderou.

Lucena lembra que agora começa a transição e é o momento do presidente eleito formar o time. “Estou esperançoso de que o presidente Jair Bolsonaro cumpra sua promessa de escalar o time de acordo com a formação técnica e não partidária e que se una a especialistas com competência para ajudar a repensar e reorganizar o Brasil”, disse.

Estado de São Paulo

Sobre a eleição de João Dória para o palácio dos Bandeirantes, o deputado Roberto de Lucena ressalta que a diferença de votos entre o tucano e o pessebista Márcio França não foi tão significativa. “O Márcio França recebeu os votos de grande parte dos paulistas, o que revela o respeito que seu mandato conquistou e deveria ser chamado pelo Dória, para construírem juntos algumas soluções. O Rodrigo Garcia, o vice-governador, é um amigo com grande potencial e nós torcemos pelo João Dória, porque o Estado de São Paulo é locomotiva do país, um estado industrializado com enormes potenciais, que se for bem ajuda o país a ir bem. Então nós torcemos pelo governador e o seu vice, nosso gabinete é um gabinete do povo de São Paulo e estamos aqui para apoiá-los nas suas iniciativas que visam o crescimento de São Paulo”, concluiu Lucena.

Fonte: Jornal O Vermelhinho